Práticas de qualidade, responsabilidade social corporativa e o critério “resultados na sociedade” do modelo EFQM
PDF (English)
PDF

Palavras-chave

Quality management
Critical factors
Society results
Rural accommodations establishments. Gestão da qualidade
fatores críticos
resultados na sociedade
estabelecimentos de alojamento rural. Gestão da qualidade
fatores críticos
resultados na sociedade
estabelecimentos de alojamento rural.

Como Citar

de la Cruz del Río-Rama, M., Álvarez-García, J., & Coca-Pérez, J. L. (2017). Práticas de qualidade, responsabilidade social corporativa e o critério “resultados na sociedade” do modelo EFQM. RBGN - Revista Brasileira De Gestão De Negócios, 19(64), 307–328. https://doi.org/10.7819/rbgn.v0i0.3026

Resumo

Objetivo – O objetivo deste estudo é analisar se as práticas de gestão
da qualidade implementadas e realizadas pelos estabelecimentos de
alojamento rural estudados influenciam os resultados na sociedade
obtidos pelas organizações, sendo esses resultados entendidos como
a participação na mesma e o desenvolvimento da comunidade local.


Metodologia – A metodologia de trabalho consiste em uma análise
fatorial exploratória e confirmatória para aferir as propriedades
psicométricas das escalas de medida. As hipóteses de relação entre os
fatores críticos e os resultados na sociedade são examinadas utilizandose
o modelo de equações estruturais.


Resultados – O estudo evidencia a existência de uma relação frágil
entre os fatores críticos da qualidade e os resultados na sociedade dos
estabelecimentos de alojamento rural. Os resultados sugerem que a
gestão de processos é a única prática de qualidade que tem um efeito
direto sobre os resultados na sociedade. Os restantes fatores críticos são
considerados antecedentes da mesma.


Contribuições – A contribuição deste estudo, que explora o impacto
dos fatores críticos da qualidade na sociedade, é confirmar que existe
um efeito desses fatores nos resultados na sociedade (responsabilidade
social e ambiental), por meio da relação direta da gestão de processos.
Muito poucos estudos examinam essa relação.

https://doi.org/10.7819/rbgn.v0i0.3026
PDF (English)
PDF