Governança, Sucessão e Profissionalização em uma Empresa Familiar: (re)arranjando o lugar da família multigeracional
PDF

Palavras-chave

Family-owned business governance. Succession. Professionalization of family-owned companies. Property and control. Gobierno familiar. Sucesión. Profesionalización de las empresas familiares. Propiedad y control. Governança familiar. Sucessão. Profissionalização de empresas familiares. Propriedade e controle.

Como Citar

de Oliveira, J. L., Albuquerque, A. L., & Pereira, R. D. (2012). Governança, Sucessão e Profissionalização em uma Empresa Familiar: (re)arranjando o lugar da família multigeracional. RBGN - Revista Brasileira De Gestão De Negócios, 14(43), 176–192. https://doi.org/10.7819/rbgn.v14i43.881

Resumo

No âmbito da empresa familiar, conciliar os objetivos organizacionais e as expectativas da família empresária multigeracional  não constitui tarefa simples. Este trabalho foi realizado com o objetivo de analisar os mecanismos de governança e os processos de sucessão e de profissionalização implementados em uma empresa familiar brasileira longeva de grande porte. Além disso, visou identificar prováveis níveis de inter-relação entre esses processos e avaliar suas possibilidades como mediadores das relações de propriedade e controle em uma empresa familiar. Foi realizada uma pesquisa qualitativa, por meio de estudo de caso, junto ao grupo Randon S/A, que iniciou um longo processo de reestruturação nos anos 1990, ainda não concluído. Os resultados da pesquisa indicam que fatores endógenos e exógenos, como os processos de crescimento e internacionalização da empresa, a reformulação da estrutura patrimonial, o ingresso de novos sócios e a entrada no Nível 1 de governança corporativa da Bovespa, dentre outros, influenciaram as mudanças que ocorreram na estrutura de propriedade, de poder, de controle e de gestão da organização. Decisões estratégicas da família controladora incluíram profissionalizar a gestão das empresas que compõem a holding, adotar estruturas de governança que possibilitam demarcar a propriedade e a gestão e reduzir conflitos de interesses, bem como definir regras claras para a sucessão. Esses elementos foram corroborados por essa pesquisa como importantes componentes do processo de construção de longevidade da empresa familiar.

Palavras-chave: Governança familiar. Sucessão. Profissionalização de empresas familiares. Propriedade e controle.

https://doi.org/10.7819/rbgn.v14i43.881
PDF